Deputado Carlesse é eleito presidente da Assembleia do Tocantins

Em sessão extraordinária realizada na manhã desta sexta-feira (8), o deputado Mauro Carlesse (PHS) foi eleito o novo presidente da Assembleia Legislativa do Tocantins com 17 votos. A eleição escolheu os novos membros da Mesa Diretora que vai comandar os trabalhos da 8ª Legislatura no biênio 2017-2019.

Logo após o anúncio do resultado, o presidente Nacional do PHS, que está em Macapá para Plenária Estadual, parabenizou Carlesse e e toda a equipe: "Nossos solidaristas fazem um excelente trabalho no Tocantins e a vitória do Mauro Carlesse é prova disse. Temos a certeza que continuará seu trabalho sério à frente da Assembleia Legislativa e que se destacará ainda mais no novo cargo. Para nós é um orgulho tê-lo como nosso primeiro presidente eleito de Assembleia da história do PHS", afirmou o presidente.

O PHS teve outros deputados estaduais que presidiram inteirinamente Assembleias Legislativas, mas Carlesse é o primeiro a ser eleito.

Em seu primeiro discurso, Carlesse falou sobre a função do legislativo para a construção de uma sociedade justa e democrática. “Reafirmo aqui, o meu propósito de trabalhar por um legislativo forte, independente e voltado para o aperfeiçoamento das instituições e pelo respeito à constituição de nosso estado e do nosso país. Entendo que o papel do poder legislativo é fundamental na construção das bases sólidas de uma sociedade justa e democrática por isso, estaremos sempre à disposição de todos para mantermos de forma inabalável este propósito”.

Carlesse finalizou seu discurso dizendo que “a harmonia dos poderes constituídos neste estado continuará sendo importante para o processo de consolidação do Tocantins, porém, sempre manteremos o respeito à devida independência estabelecida em nossa carta magna”.

A deputada Luana Ribeiro (PDT) foi eleita 1ª vice-presidente, o deputado Toinho Andrade (PSD) será o 2º vice e o deputado Jorge Frederico (PSC) ocupará a 1º Secretaria. Os parlamentares Nilton Franco (PMDB), Cleiton Cardoso (PSL) e Zé Roberto (PT), foram eleitos respectivamente para os cargos de 2º, 3º e 4º secretários, e também compuseram a chapa vitoriosa.

Os deputados Osires Damaso (PSC), atual presidente do Parlamento, Valdemar Júnior (PMDB), Rocha Miranda (PMDB), Vilmar de Oliveira (SD), Elenil da Penha (PMDB), Paulo Mourão (PT) e Amélio Cayres (SD) fizeram parte da chapa concorrente e vão permanecer em seus cargos até a data da posse dos novos membros da Mesa Diretora, a ocorrer em 1º de fevereiro de 2017. 

Deixe uma resposta