Na última quarta-feira (11), o deputado Miguel Martini (PHS-MG) recebeu em seu gabinete, na Câmara dos Deputados, a visita do Tenente Brigadeiro do Ar, Ramom Borges Cardoso, diretor-geral do Departamento de Controle do Espaço Aéreo (Decea).
Durante o encontro, o brigadeiro garantiu ao deputado que, até o próximo ano, será instalado na pista 34 do Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em Confins, o aparelho ILS
– Instrument Landing System, sistema que possibilita uma orientação precisa ao avião que esteja pousando, tornando os pousos mais seguros, mesmos com condições metereológicas adversas.
Durante a audiência, ainda foi discutido o Plano Aeroviário para Minas Gerias que, de acordo com o deputado Miguel Martini, servirá de modelo para o país. “ Nesse planejamento pretendemos ampliar os hangares do aeroporto da Pampulha, para que mais vôos regionais possam ser operados pelo terminal. Também queremos revitalizar o aeroporto Carlos Prates, para atender à vôos de pequeno porte e melhorar a estrtutura dos pequenos aeroportos espalhandos por todo o Estado, aumentando a malha aeroviária de Minas”, diz Martini.
Plano de carreira para controladores de vôo Um plano de promoções e melhorias salariais para os controladores de vôo também foi uma das questões em pauta durante a audiência do deputado Miguel Martini com Brigadeiro Ramom. Segundo Martini,a proposta é que seja criada uma nova modalidade em que os controladores de vôo possam chegar a coronel, o mais alto posto de oficial superior na hierarquia militar. Para os civis, será feito um plano de
carreira similar à progressão dos militares. O deputado informou, ainda, que também está em estudo a possibilidade de contratação de controladores de vôo pelas prefeituras, para operarem em aeroportos locais. O treinamento e a supervisão dos trabalhos seriam feitos pela própria Aeronáutica.

Minas receberá investimentos em aeroportos

Deixe uma resposta